Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alexandra Neto

Qua | 22.09.10

Chanel avisa...

Eu quando li isto pensei que estava a sonhar...

"A casa de Moda francesa ocupou uma página do site WWD para avisar os escritores sobre o facto de classificarem outras colecções, que não as suas, com a palavra “Chanel”. A tendência para diversos meios usarem a palavra “Chanel” para descrever peças ou estilos dos recentes desfiles fez com que a marca enviasse o seguinte comunicado:

“Chanel foi um designer, uma extraordinária mulher que fez uma contribuição intemporal para a Moda. Chanel é um perfume. Chanel é elegância moderna em couture, pronto-a-vestir, acessórios, relógios e jóias. Chanel é a nossa marca registada de fragrâncias, cosméticos, roupa, acessórios e outras coisas amorosas. Apesar do nosso estilo ser justamente famoso, um casaco não é um “casaco Chanel” a não ser que seja nosso. E mesmo que fiquemos honrados por tais tributos à nossa fama, como ‘Chanel-issime, Chanel-ed, Chanels, and Chanel-ized’, por favor não o façam. Os nossos advogados detestam. Nós levamos a nossa marca muito a sério.

Merci,
Chanel, Inc." "

Fui só eu que achei bizarro?

Agora diz-se como? Ao estilo da "marca-cujo-nome-não-pode-ser-pronunciado"??

(Vogue.blog)

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.